fineza de pessoa

28 fevereiro, 2009

Faz tempo já, mas dia desses, durante minha leitura matinal no trabalho, me aparece isso no Uol:
pessoa-finaMas justo a foto dela perto do teste de fineza?

Taí duas coisas que não combinam.

Anúncios

Oscar 2009

25 fevereiro, 2009

Foi providencial a minha ida a blocos de rua logo a partir das 8h da manhã no domingo. Deu 18h eu tava quebrada em casa, tirando um cochilo pra esperar pelo Oscar à noite. E o mais legal é que eu nem fiquei naquela agonia de ter que acordar cedo no dia seguinte!

Mas vamos aos meus comentários:

Hugh Jackman é mil e uma utilidades e, apesar de ter achado meio cafona aquela coisa toda de cartolas e bengalas, eu gostei da apresentação dele no geral e da homenagem aos musicais, feito com a Beyonce e os casais do High School Musical e Mamma Mia (eu sei que Zach Efron é uma moça, mas eu gosto demais dele, can’t help it). Porém, como bem disse Renato Thibes, acho que um Oscar apresentado por Steve Martin e Tina Fey deve ser nada menos que genial!

Outra inovação que foi bem legal, emocionante mesmo, foram os anúncios de melhores ator/atriz e ator/atriz coadjuvantes. Linda a emoção estampada na cara de Anne Hathaway com o discurso de Shirley MacLaine. Mas Robert DeNiro falando pra Sean Penn foi mesmo o melhor de todos.

Por falar em emoção, vale destacar os discursos de Penélope Cruz (ai, essa mulher tá me conquistando, viu? conquista de vez se deixar o Javier Bardem lá em casa de presente), Kate Winslet (que merecia há anos o prêmio, ela é demais e não tem pra ninguém) e também do roteirista de Milk, Dustin Lance Black. Dava gosto de ver o quanto eles estavam nervosos! Provavelmente eu ficaria igual se ganhasse um Oscar (ou quando eu ganhar heh).

E Danny Boyle, hein? Nunca imaginei que o diretor de Trainspotting fosse levar pra casa uma estatueta. Excelente. Ainda não vi o filme, mas só pela filmografia, tá valendo!

Só que, gente, meu lance é comédia. Seth Rogen, James Franco, Jack Black e Ben Stiller fizeram a noite pra mim. Quem sabe um dia um deles não apresenta a cerimônia toda dirigido por Judd Apatow? Ai, meu sonho!

Querem acabar comigo

23 fevereiro, 2009

Acabo de descobrir que existe um bloco na Urca, em homenagem a Roberto Carlos, que só toca suas músicas em ritmo de samba. O circuito vai até a casa do monarca, de onde ele acena para a multidão.

Pelo menos foi só primeiro ano. Ano que vem, Bob Charles, tamo lá contigo!

roberto-carlos-2O rei do Rio, San Remo, Santos… (comente se souber onde é isso)!

pra quem fica… (ou jabá)

20 fevereiro, 2009

Não é querendo tirar onda, só porque daqui algumas horas eu estarei na Cidade Maravilhosa me borrando de medo de ser assaltada, mas eu tenho dicas pra quem fica na cidade:

Em primeiro lugar, hoje tá entrando Milk e qualquer coisa com Sean Penn no meio (ui!) tá valendo. Além disso tem as festinhas alternativas de sempre tipo Funfarra, Play (o convidado é Chuck Hipólito, do Forgotten Boys) e London Calling, entre outras.

Mas o objetivo do post é finalmente anunciar show do Monovida, que vai ser apresentar dia 24 no Landscape. Tô puta da minha vida porque tenho esperado há tempos um show deles, daí eles resolvem fazer justamente quando eu viajo!

Anyway, dia 25 tem Jogo de Cena e eles também estarão lá e, dessa vez, eu também!

Então tá! Bom carnaval!

BABAK

17 fevereiro, 2009

Se contar o povo não acredita.

Tom Cruise esteve no Rio no começo do mês e, como todo turista, foi à praia e (aparentemente) provou o famoso Mate com limão carioca. Praia essa de área militar e acesso restrito etc, mas de quem estamos falando mesmo? Sim, o dude que pula em sofá e come placenta.

Servindo de exemplo como toda celebridade do bem, Tom (supostamente) jogou o copinho no lixo. Foi lá o BABAK e catou, embalou à vácuo e tá vendendo no Mercado Livre pela bagatela de 5 mil reales. 

Eu venderei o mate da próxima celebridade glamourosa a pisar no Rio com exclusividade por qualquer 10 pilas, ok? Eu bem sei que você, querido leitor, quer o DNA de Graziela Inês pra ter uma igualzinha em casa. 😉

aviso

17 fevereiro, 2009

Queria dizer que, se alguém estiver pensando em me presentear com a nova magnífica obra da melhor banda do mundo, pode procurar outro presente, porque eu já encomendei:

No line in the horizon – esperado ansiosamente (espero gostar mais que do atomic bomb…)

desilusão

16 fevereiro, 2009

Ao contrário da minha companheira de blog que se descobriu apaixonada por John Cusack, esse final de semana eu sofri uma desilusão horrorosa. Na verdade, foi a gota d’água de um relacionamento que já vinha se deteriorando.

Quando eu tinha lá meus 15, 16 anos me apaixonei por Jordan Catalano, um gatinho guitarrista dos cabelos escuros e  compridinhos. Daí, meldels, eu precisava descobrir quem era aquele ator por trás daqueles olhos azuis!

Jared Leto é o nome dele. E nossa paixão durou por anos, enquanto ele fazia filmes como Réquiem para um sonho, Clube da luta e Quarto do pânico. Na maioria das vezes ele acabava deformado de alguma maneira, mas eu admiro atores que não têm medo de parecerem feios.

Mas aí vieram Alexandre, aquela atuação ridícula em Senhor das armas, o mico de Lonely hearts (esqueci mesmo o nome em português), suposto envolvimento com uma das gêmeas Olsen, além daquela banda super emo (30 Seconds to Mars – admito, tenho vários mp3 deles, fazer o que, né?) e a coisa começou a degringolar e eu a me decepcionar.

Foi então que eu resolvi alugar Capítulo 27, filme em que ele interpreta Mark Chapman, assassino rechonchudo de John Lennon. Gente, não aguentei DEZ MI-NU-TOS de filme. Aquela voz, aqueles diálogos… a VA começou a tomar conta de mim. Desliguei o DVD e fui ver Ugly Betty.

No fim das contas acho que Jared Leto teve sua missão na minha vida: me apresentar pra Christian Bale, afinal foi através de Leto que eu cheguei no Psicopata Americano (e de quebra ainda fui apresentada a Bret Easton Ellis). No final, acho que aquela cena em que Patrick Bateman acaba com Paul Allen a machadadas foi um prenúncio e, honestamente, Jared Leto tá fazendo a menor falta!

declarações de amor

15 fevereiro, 2009

Graziela ama Christian Bale?

Pois eu amo John Cusack.

Casa comigo, John Cusack. Sério. Must love Dogs duas vezes só esse fim-de-semana – se isso não é um sinal, eu não sei o que é.

Stoned kid

7 fevereiro, 2009

Depois as pessoas ainda se perguntam por que os jovens usam drogas…

I have two fingers!

para que blogar?

4 fevereiro, 2009

Se no MSN tudo é mais suscinto?

Marina diz:
– menina, vc perdeu serafim valandro ontem
 – eu dormi cedão pq acordei hj às 5h30 pra nadar antes da aula
 – então 22h30 já tava no sono
 – acaba a luz na rua
 – antes de anunciar quem ia sair do bbb
 – o prédio da frente entrou em polvorosa
 – e dá-lhe conversa pela janela, naquele tom baixíssimo de favela
 – QUEM SAIUUUU???
 – (aquele homem*) FOI O MORENINHO, OUVI NO RÁDIO
–  (filha daquele homem) MENTIRA, A GENTE NEM TEM RÁDIO

Pedro diz:
 HAHAHAHAHAHAHAHAHA

Marina diz:
– que pobreza!
–  aí alguém aqui berrou CALA A BOCA FAVELADO, TO DORMINDO
 – e nego se tocou
 – mas ainda assim de vez em quando vinha um FULAAAANA, TÁ AÍ?
 – me acordaram, bicho, fiquei muito puta

* aquele homem = meu vizinho de frente, fluminense fanático, a pessoa mais estúpida do planeta Terra, a saber:
a) berra com a mulher;
b) berra com os filhos;
c) berra;
d) berra quando o Flamengo toma gol;
e) berra quando o Vasco toma gol;
f) berra quando o Botafogo toma gol;
g) berra quando o Fluminense faz gol;
 h) fuma dez cigarros de uma vez e joga o conteúdo do cinzeiro pela janela;
i)  pendura roupa de cama pra tomar um ar na janela todo domingo (travesseiros, edredons, o diabaquara).

Graziela, tá certo que você não berra e é educadinha, mas sendo você tricolor e telespectadora de Big Brother, acho que você e aquele homem são gêmeos separados no nascimento.