link do dia

23 janeiro, 2009

Obama on drugs – Ninguém pode ser tão cool de cara limpa

obama-fugindo-balao

Uma imagem vale mais que, y’know.

Anúncios

preparação

21 janeiro, 2009

Estou cada vez mais animada e adorei a idéia da faixa::

From Registro Dissonante (claro!)

um mundo novo

21 janeiro, 2009

Eu estava ouvindo o José Simão de manhã e ele falou pro Boechat que Obama virou uma espécie de Santo Expedito do novo milênio (adoro falar “do novo milênio”) e também que, quando Deus tira folga, agora quem substitui é o novo presidente dos EUA.

Eu achava que era piada. Mas foi só o homem tomar posse que as coisas começaram a mudar…

Tipo Amy Winehouse, que era notícia por distribuir garrafadas e bofetadas sob efeito das mais diversas drogas, agora virou salva-vidas voluntária.

Tenha fé, digníssimo leitor, tempos melhores virão.

A diferença

17 janeiro, 2009

Genial! Destaque para os pulinhos do rapaz à esquerda aos 20 segundos.

Dica do Padrinho

restrospectiva 2008

7 janeiro, 2009

Vamos aos fatos que mais marcaram o ano de 2008 (na minha opinião, óbvio!). Não sou muito boa de cronologia, então vai de qualquer jeito, ok?

No campo cinematográfico, lamentei a morte de Heath Ledger, ainda mais depois de ver O Cavaleiro das Trevas (3 vezes no cinema). O cara tá genial, mas não dá pra deixar de fora Aaron Eckhart,  Gary Oldman e meu-sempre-querido-e-amado Christian Bale, né? Outras gratas surpresas de 2008 foram Homem de Ferro (Robert Downey Jr. é demais), Mamma Mia (delícia), Wall-E(liiiiindo) e a volta sensacional de Woody Allen com Vicky Cristina Barcelona (aaai Javier…)

No ano passado também tivemos a visita de grandes estrelas musicais. As divas gays tomaram de conta: Cindy Lauper, Kylie Minogue (que me partiu o coração de ter se apresentado no mesmo dia do Kaiser Chiefs) e, lógico, Madonna (thinkbing esteve !). Esta que vos escreve esteve presente no festival Planeta Terra e se acabou nos shows do Jesus and Mary Chain, Offspring e dos genais e mucholokos Kaiser Chiefs, além de realizar um sonho e ver o REM (ai, coisa boa!).

No campo dos bafonds, nada superou o caso Susana Vieira – Marcelo Silva – Fernanda Sei-lá-o-que, que acabou de uma maneira que seria cômica se não fosse trágica. Sem esquecer da participação de Ana Maria Braga nisso tudo, né? Também acompanhamos a pancadaria de Piovani X Dollabella, que sobrou pra pobre dona Esmê. Amy Winehouse aprontou até dizer chega. E, por mais que a gente adore um mal-feito, meus parabéns à Britney que voltou à boa forma física e musical!

Para 2009, espero o novo Harry Potter, Radiohead e Iron Maiden e, se segurem, porque Big Brother Brasil está para começar e eu estarei ligadíssima aqui.

Bom 2009 pra todo mundo e boa sorte com essa maldita reforma ortográfica!

shaggy list

6 janeiro, 2009

Jon Stewart

porque a mulher gosta do homem que a faz rir’ – Gênio da Lâmpada (Aladdin, 1992)

E, se não me engano, ele é judeu também, não?