Dia do orgasmo

31 julho, 2008

Por algum motivo que eu desconheço, hoje é dia do orgasmo e claro que o Ego resolveu perguntar pras musas o que elas pensam sobre o assunto. Agora, quem resolveu que Mulher Melão, Mulher Moranguinho e Mirella Santos são musas é definitivamente um mistério…

pegadinha

29 julho, 2008

Então que a sem-gracinha Vanessa Hudgens mandou uma gostosa dar em cima de seu namorado, Zac Efron.

Em primeiro lugar, isso não se faz. Quem procura acha e, se você manda uma mulher dar em cima de verdade do seu namorado, anota o que eu digo: vai dar merda, você tá procurando sarna pra se coçar.

Mas no caso do casalzinho High School Musical deu tudo certo, afinal todo mundo sabe que Efron (um gatinho, por sinal) não iria se interessar pela amiga da Vanessa, já por um amigo…

Porque gosto não se discute:

Shia La Bouche, vem assoprar meu bafômetro, vem.

as más notícias

29 julho, 2008

De acordo com o meu fotolog favorito, Los Hermanos na Fundição vai ser lançado este mês (chamadas no Multishow já aparecem de vez em quando).

É o fim, meus amigos. Por contrato eles tinham mais um disco, então voilá. Espero do fundo do meu coração que tenha sido algo inesquecível para fechar com chave de ouro. Ainda não morava no Rio nessa época para poder tirar onda com a Grazi.

A melhor banda nacional dos últimos tempos. Cornice em algumas letras, é verdade, mas uma poesia… ai ai.

Se só agradaram a poucos, pelo menos melhoraram a imagem dos ruivos do Brasil.

E agradeçamos pela Orquestra Imperial.

há que odiar-se

26 julho, 2008

(para manter a chama acesa)

36. Circo do Edgard

Em foto de arquivo da Atrevida, Edgard é o exemplo típico daqueles caras que tocam em banda com seus cabelos ao vento e charme boêmio, mas que quando você vai puxar um papo percebe que ele não passa de um paulista babaca palmeirense. Nada contra paulistas (porque, afinal, eu sou uma) ou contra os palmeirenses, mas você bem teve uma idéia boa do conceito: eles vão continuar babacas o resto da vida.

E você vai assistir os programas babacas deles quando o Wagner Moura aparecer, e passar raiva e lembrar do papo que você puxou com o vocalista babaca lá em 1900 e alguma coisa e pensar “Bom, eu lia Atrevida, eu tinha 16 anos – eu também era babaca”. A velhice serve para alguma coisa, afinal.

top 3, na falta

26 julho, 2008

Especial músicas de stalker (sei do que estou falando, tenho aos montes):

Sem ordem de preferência:
Be My Baby – The Ronnetesfor every kiss you give me, I’ll give you three
Every Breath You Take – The Police – oh can’t you see you belong to me?
Until You Come Back to Me (That’s What I’m Gonna Do) – Stevie Wonder – tap on your window pane (stalker arrombador de casas)

É um mundo novo que se abre quando você entende que na verdade a música tema de Dirty Dancing é algo tão doentio.

estranho

26 julho, 2008

Desculpe a ignorância, mas 10 de maio é um dia Billboard ou coisa do gênero?

Porque as músicas mais legais eram número 1 nesta data tão especial para Graziela (Bono day) e masoquista para mim (dois objetos do meu afeto aniversariam nesta data, daí a descoberta).

Reunited e Aquarius já falam por si só, mas My Guy é uma pérola própria:

He may not be a movie star = melhor verso eufemista;
E porque Mary Wells foi de secretária a estrela da Motown; no dia que a minha empresa de engenharia se lançar no mercado… aguarde e confie.

Da série:

24 julho, 2008

“Ainda bem que não sou celebridade”

Puxando o mesmo assunto do post de Marinex, a pobre da princesa Anne foi flagrada repetindo um modelito que usou há 27 anos. Ai, gente, pelamoooordedeus! Vai ver a mulher fez uma puta dieta e devia estar toda contente “caramba, esse vestido que eu não uso há 27 anos tá entrando legal!”

Além do mais eu acho louvável ela não ter essas frescuras de monarcas/celebridades!

lucky me

24 julho, 2008

Tem gente que tem merda na cabeça. Tipo, só pode! Li esse artigo aqui e não consigo imaginar o quão sacaneada uma pessoa que se chama Fish and Chips deve ser (mas confesso que rolei de rir com os gêmeos Benson e Hedges!).

E eu penso que só posso ser muito sortuda de ter um nome simples – Graziela e só (ao contrário do que algumas pessoas dizem por aí…), ainda mais se você considerar que a minha mãe, coitada, se chama Maria Francisca Thereza, é muito nome pra uma pessoa só.

solução

23 julho, 2008

Lembra daquele filme Férias Frustradas? A mulher do Griswold tinha uma tia que era mó megera e andava com um cachorro insuportável que era todo bravinho, daí o pai manda o filho (Anthony Michael Hall –  só me lembra a Vanessinha) cuidar do cachorro e rola o seguinte diálogo:

Clark: Rusty take care of Dinkins.
Rusty: Dad he bites.
Clark: Bite him back.

Bom, dito e feito.